10.000 Horas de Trading

A pergunta sobre o que é necessários para se tornar um mestre em qualquer área (esportes ou negócios) está no centro de diversas pequisas por vários anos. Ela ocupou psicólogos e filósofos por décadas. É o talento inato que mais importa ou pode-se adquirir maestria em habilidade apenas com prática? O que faz com que atletas profissionais se tornem os melhores dentre outros que também possuem talento?

Há mais ou menos cinquenta anos atrás Herbert Simon e William Chase chegaram a uma interessante conclusão que permanece importante até hoje:

Não há experts instantâneos no xadrez. Com certeza não existem Mestres ou Grande Mestres (grandmaster) instantâneos. Parece não haver nenhum registro de nenhum caso no qual uma pessoa chegou ao nível de Grande Mestre com menos de uma década de intensa preocupação com o jogo. Poderíamos estimar, de forma rápida, que um Mestre gastou provavelmente 10.000 a 50.000 horas observando diversas posições do xadrez…

Depois de Simon e Chase houveram inúmeros psicólogos e autores testando essa hipótese e provando e desaprovando a “regra das 10.000 horas”. Por exemplo, John Hayes pesquisou os trabalhos de mais de 70 dos mais famosos compositores de música clássica e descobriu que quase nenhum deles criou uma obra prima antes de que tivessem composto por um período mínimo de 10.000 horas. Houveram apenas algumas poucas exceções, que foram Shostakovich and Paganini, que precisaram de “apenas” 9.000 horas.

Quando se trata de trading, parece ser o mesmo. Pu pelo menos bem similar. Eu não conheço muitos outros traders que após uma honesta conversa não me compartilharam o fato de que passaram anos perdendo dinheiro consistentemente antes de se tornarem lucrativos. Na minha carreira como trader me lembro apenas um trader que me disse ter se tornado vitorioso desde o começo. Ele compartilhou comigo que levou apenas 3 meses em um “simulador de trading” e, com a ajuda de seu mentor, ele se tornou lucrativo. Trata-se de uma exceção, mas em seu caso foi possível reduzir muito os erros na medida em que ele seguiu a abordagem de seu mentor.

A verdade é que a maioria dos traders aprendem sozinho e é por isso que eles levam tanto tempo. Trading, como qualquer outra disciplina altamente competitiva, demanda muitas horas em frente à tela e prática.

No livro “Focus: The Hidden Driver of Excellence” Daniel Goleman revela a complexa verdade por trás da regra das 10.000 horas:

A regra das 10.000 horas — que esse nível de prática guarda o segredo para o sucesso em qualquer área de atuação — se tornou quase um dogma, que ecoa em website e é recitado em workshops para alta performance. O problema: só é meia verdade. Se você é ridículo jogado golf, digamos, e comete os mesmos erros todas vez que tenta um tipo de jogada, 10.000 horas praticando esse erro não vai melhorar sua forma de jogar. Você ainda será ridículo, apenas mais velho.

Ninguém menos que o expert Andres Ericsson, o psicólogo da Universidade da Flórida que foi um dos criadores da “regra” disse: “Você não ganha os benefícios pela repetição mecânica, mas sim ajustando sua execução repetidas vezes para se aproximar de seu objetivo“.

As palavras de Ericsson não poderiam ser mais verdadeiras na área do trading. Traders profissionais sabem que sair de sua zona de conforto é o que faz a diferença no longo prazo. Imagine que você está cometendo os mesmos erros repetidamente. A única maneira de se livrar dos seu hábitos ruins é saindo de sua zona de conforto e fazendo algo diferente.

Mesmo que você não tenha certeza de onde está seu erro, você deve colocar todos seus esforços em tentar encontrá-lo. Apenas assim e após várias horas de prática, você será capaz de se tornar lucrativo. O que importa nesse caso não é apenas o tempo investido em trading, mas a qualidade do tempo que você investe. Até mesmo se você ficar 20.000 horas na frente do monitor, isso não fará diferença se você não tiver tentando melhorar.

Parece óbvio e simples, mas a educação moderna está construída sobre a premissa do “tempo bruto” investido. Por isso é importante enfatizar o fato de que o sucesso é fruto de “prática deliberada”, treinamento concentrado com o único objetivo de melhoria pessoal, muitas vezes acompanhado ou guiado por um profissional e um habilidoso coach ou mentor. Horas e mais horas de prática são necessárias para resultados excepcionais, mas não são suficientes. Como os experts em qualquer área prestam atenção enquanto praticam faz uma diferença crucial.

Muitas vezes você precisa um feedback objetivo de alguém que pode monitorar seu desempenho. Seres humanos tendem a ser subjetivos quando se trata de mensurar seu próprio desempenho. E por isso é crucial que você tenha um trader lucrativo te ajudando durante jornada de 10.000 horas de trading. É importantíssimo que você seja acompanhado por um profissional ou pelo menos alguém com anos de experiência com trading. Não é atoa que todo atleta de primeira linha tem um coach. Se você continuar negociando sem um feedback de um trader comprovadamente lucrativo, você não será capaz de chegar no topo, de estar entre os melhores.

No final das contas, fica claro que a estratégia de trading que você está usando não é o elemento mais importante para se tornar um Trader Mestre. É o feedback que você recebe de traders realmente experientes e a qualidade do tempo investido em melhorar seus próprios erros. Agora pare de pensar o quão bom você é e comece a procurar como você pode melhorar através de um esforço concentrado em suas habilidades como trader.

Colibri Trader


Compartilhe


Conheça